Publicidade

SIDA - Saiba quais são os principais sintomas da doença!


Os primeiros sintomas ao ser contaminado com o vírus do SIDA, incluem mal-estar geral, febre, tosse seca e dor de garganta, assemelhando-se muitas vezes com os sintomas de um resfriado comum, estes sintomas duram aproximadamente 14 dias, podendo surgir 3 a 6 semanas após a contaminação com o vírus VIH.

Geralmente, a contaminação se dá através de um comportamento de risco, onde houve contacto íntimo sem camisinha ou troca de agulhas, por exemplo. O teste para detectar o vírus deve ser feito de 40 a 60 dias após o comportamento de risco, pois antes desse período o exame pode não detectar a presença do vírus no sangue.

Principais sintomas da SIDA
Os principais sintomas da SIDA, só se manifestam se a pessoa não realizar nenhum tratamento contra o vírus, surgindo cerca de 8 a 10 anos após a contaminação com o VIH ou em certas situações onde o sistema imunológico está fraco e debilitado. Assim, os sintomas podem ser:

    Febre persistente;
    Tosse seca prolongada e garganta arranhada;
    Suores nocturnos;
    Inchaço dos gânglios linfáticos durante mais de 3 meses;
    Dor de cabeça e dificuldade de concentração;
    Dor nos músculos e nas articulações;
    Cansaço, fadiga e perda de energia;
    Rápida perda de peso;
    Candidíase oral ou genital que não passa;
    Diarreia por mais de 1 mês, náusea e vómitos;
    Manchas avermelhadas e pequenas bolinhas vermelhas ou feridas na pele.

Estes sintomas geralmente surgem quando o vírus do VIH está presente em grandes quantidades no organismo e as células de defesa apresentam número muito baixo em comparação com um indivíduo adulto saudável. Além disso, nesta fase onde a doença apresenta sintomas, geralmente surgem doenças oportunistas como hepatite viral, tuberculose, pneumonia ou toxoplasmose, por exemplo, porque o sistema imunológico encontra-se fraco e debilitado.

Como saber se posso estar com VIH
Para saber se está contaminado com o vírus VIH deve identificar se teve ou não algum comportamento de risco como relações sem preservativo ou partilhar seringas, devendo estar atento ao surgimento de sintomas como febre, mal-estar geral, dor de garganta e tosse seca.

Após 40 a 60 dias do comportamento de risco, é recomendado realizar o exame de sangue para saber se tem VIH, voltando a repetir o teste após 3 e 6 meses novamente, pois mesmo que não manifeste sintomas pode ter sido contaminado com o vírus.

Tratamento da SIDA
A SIDA é uma doença que não tem cura e por isso o seu tratamento tem que ser feito por toda vida, sendo o principal objectivo do tratamento o fortalecimento do sistema imune e o combate ao vírus, controlando e reduzindo a sua quantidade no sangue.


O ideal é começar o tratamento contra o VIH antes que a SIDA se manifeste. Este tratamento pode ser feito com um coquetel com diferentes remédios, como Efavirenz, Lamivudina e Viread que são fornecidos gratuitamente pelo governo, bem como todos os exames necessários para avaliar a progressão da doença e a carga viral.  

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.