Publicidade

Conheça 10 sintomas físicos de doenças emocionais



As doenças psicossomáticas são doenças da mente que manifestam sintomas físicos, como dor de estômago, tremores ou suor, mas que têm causa psicológica. Elas aparecem em pessoas que têm altos níveis de estresse e ansiedade, pois é uma forma do corpo demonstrar, fisicamente, algo que está errado na parte emocional e sentimental. 

Os principais sintomas manifestados pelo corpo, devido a doenças psicossomáticas, são:

 1 Batimentos cardíacos acelerados;
 2 Tremores;
 3 Respiração rápida;
 4 Suor frio ou excessivo;
 5 Boca seca;
 6 Enjoos;
 7 Dor no estômago;
 8 Sensação de nó e dor no peito;
 9 Dor nas costas e na cabeça; 
10 Manchas vermelhas ou roxas na pele.

Estes sintomas acontecem porque o estresse e a ansiedade fazem aumentar a actividade nervosa do cérebro, além de elevar os níveis de hormônios no sangue, como adrenalina e cortisol. Muitos órgãos do corpo, como intestinos, estômago, músculos, pele e coração têm ligação directa com o cérebro, e são os mais afectados por estas alterações.

Com a persistência dos sintomas, é comum surgirem doenças que podem ser causadas ou pioradas por causas emocionais, como gastrite, fibromialgia, psoríase e pressão alta

Em alguns casos, os sintomas são tão intensos que podem simular doenças graves, como infarto, AVC ou convulsões, por exemplo, e necessitam de rápido tratamento à base de ansiolíticos, como diazepam, em pronto atendimento.

CAUSAS DOS SINTOMAS
Qualquer pessoa pode desenvolver uma doença psicossomática, mas o surgimento destes sinais é mais comum em pessoas que:

    Têm muito estresse e cobranças no trabalho;
    Passaram por traumas por acontecimentos marcantes;
    Não conversam sobre seus sentimentos e guardam todos para si;
    Sofrem muita pressão psicológica ou bullying;
    Pessoas depressivas ou ansiosas que não procuram tratamento.

Na suspeita de que algum sintoma pode ser psicossomático, é recomendado ir ao clínico geral para realizar exames que possam descartar outras doenças, e se necessário, ser encaminhado para um psiquiatra e psicólogo.

COMO TRATAR
O tratamento é feito com remédios para aliviar os sintomas, como analgésicos, anti-inflamatórios e medicamentos para enjoo, além de medicamentos para controlar a ansiedade, através de antidepressivos, como sertralina ou citalopram, ou ansiolíticos calmantes, como diazepam ou alprazolam, por exemplo.

Além de medicamentos, as pessoas que apresentam sintomas e doenças psicossomáticas devem ter um acompanhamento por psicólogo e psiquiatra, para realização de sessões de psicoterapias e ajuste dos medicamentos. Algumas dicas para aprender a contornar os sintomas de ansiedade também podem ser seguidas, como dedicar-se a alguma actividade prazerosa, por exemplo.

Existem, também, alternativas naturais para ajudar a aliviar os sintomas emocionais, como chás de camomila e valeriana, técnicas de meditação e respiração, e praticar actividades físicas

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.