Publicidade

Será que dormir mal pode causar impotência? Descubra!



Muitos homens têm medo de ficar impotentes. É por isso que acabam se preocupando com a idade, cigarro, diabetes e outros problemas que possam levar à dificuldade de ter ou de manter uma erecção. Mas e as noites de sono? Você se preocupa com elas? De acordo com uma nova pesquisa, homens que não dormem bem têm maiores chances de impotência.


COMO FOI FEITA A PESQUISA?
O estudo foi realizado pelos pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), liderada pelos especialistas Rogério Silva e Lia Bittencourt. Ao todo, foram analisados 467 homens que tinham entre 20 e 80 anos. De acordo com os dados, 17% dos participantes se queixavam de impotência sexual, de ganho de peso e de diabetes. De acordo com os especialistas, tudo isso pode ter sido causado ou agravado pela falta de sono.

Homens que não dormem bem regularmente estão mais propensos a terem diabetes e a desenvolver problemas cardiovasculares, além de maior propensão ao ganho de peso. Além disso, têm a potência sexual reduzida. Os especialistas relataram que a cada hora a menos de sono, a pessoa passa a ter uma chance 24% maior de ganho de peso.

Segundo eles, isso acontece porque a falta de sono leva ao aumento da produção de enzimas responsáveis pela fome, descontrolando a alimentação e levando à problemas de saúde graves.

Os relatos de impotência entre homens jovens, entre 20 e 29 anos, foi grande param a idade. 7% dos entrevistados relatou que não consegue manter erecção. No normal, é nesse período que o homem está no ápice do vigor sexual, mas a falta de um hábito de sono saudável acaba prejudicando, principalmente quando a noite de sono é interrompida diversas vezes.

A apneia do sono é frequentemente ligada à impotência. Embora ainda não haja comprovação científica concreta, acredita-se que diminuição da produção da testosterona, hormônio sexual masculino que é produzido durante o sono profundo, é afectada quando não há um sono adequado e isso também colabora para a impotência.

TRATAMENTO DA IMPOTÊNCIA
A pesquisa feita pela Unifesp sugere que antes de começar qualquer tratamento de impotência, é importante avaliar doenças como a diabetes e observar a qualidade do sono. Caso as noites de descanso não sejam boas, corrigir esse problema pode ser o suficiente para tratar a impotência.

Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.