Publicidade

Você sabia que as mudança na cor do xixi e cocô podem indicar doença no fígado? Veja as cores anormais!


Apesar de ser considerado por muitos algo constrangedor, desagradável ou mesmo repugnante, o hábito de observar a aparência do próprio xixi ou cocô é altamente recomendado por médicos e importante para descobrir se existe algo de errado com sua saúde.

Mudanças nas cores da urina ou das fezes podem indicar, por exemplo, uma condição que afeta o fígado. Saiba quais são as colorações consideradas anormais e quando há motivo para se preocupar e consultar um médico:

A COR DO XIXI E DO COCÔ PODE REVELAR DOENÇA NO FÍGADO




Se quando você vai ao banheiro nota que sua urina parece mais escura do que o normal, de coloração acastanhada, fique atento, pois pode estar sofrendo de alguma alteração do metabolismo da bilirrubina, substância que, em excesso, indica problemas tanto no fígado, como no baço, nos rins ou na vesícula biliar.

Vale ainda ligar o sinal de alerta caso o xixi saia vermelho. Na maioria das vezes a coloração é apenas um reflexo da alimentação, como consumo excessivo de beterraba ou amora, por exemplo. Mas, se a cor permanecer por mais de um dia, procure um médico para descartar possíveis condições mais graves, como problema na vesícula, rim, fígado ou algum tipo de tumor.


No caso das fezes, se elas parecem mais claras ou amareladas podem significar uma alteração causada pela excreção de bile que, em menor quantidade, faz com que a coloração marrom perca a intensidade, possivelmente indicando um problema no fígado.



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.