Publicidade

Será que eu posso engravidar mesmo tomando pílula?

De fácil administração, a pílula anticoncepcional é uma das formas mais comuns e acessíveis de evitar uma gravidez e, se ingerida corretamente, tem taxa de falha inferior a 1%. Em alguns casos, porém, existe a chance de engravidar, mesmo tomando o remédio. Entenda como:
  

Pílula anticoncepcional falha: fatores
1. Além de ajudar a não esquecer de tomar a pílula, manter um horário fixo também contribui para sua eficácia. Variar muito os horários de ingestão do anticoncepcional pode diminuir sua capacidade contraceptiva.

2. A obesidade é outro fator de risco que pode comprometer a eficácia da pílula. Mulheres acima do peso têm mais chances de sofrerem com problemas relacionados ao medicamento, como trombose. O sedentarismo também pode fazer com que o anticoncepcional seja menos eficaz.

3. A pílula também pode ter seu efeito reduzido se combinada com outros tipos de remédios. Alguns tipos de antibióticos, por exemplo, promovem rápida eliminação dos hormônios, ação que interfere em seu resultado contraceptivo. Anticonvulsivantes e antirretrovirais são outros gêneros de medicamento que podem comprometer a eficácia do anticoncepcional.

4. Tomar pílula do dia seguinte junto com anticoncepcional não é indicado para evitar a gravidez porque, juntos, promovem excesso de hormônio no corpo. Combinar os dois medicamentos gera grande carga de hormônios e desregula completamente o ciclo.



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.