Publicidade

Conheça 4 problemas terríveis causados pelo cigarro que vão muito além do câncer de pulmão

De acordo com os dados mais recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS), o cigarro é responsável direto pela morte de uma em cada dez pessoas. E o que nem todo mundo sabe é que o câncer de pulmão é apenas um dos terríveis problemas que o tabagismo provoca à saúde.


Entenda como o cigarro prejudica a sua saúde

Doenças cardiovasculares: condições como trombose e derrame cerebral também sofrem influência direta do tabaco. Além disso, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), 45% das mortes de pessoas que tem menos de 65 anos e sofreram infarto agudo do miocárdio são atribuídas ao cigarro.

Problemas no sistema gastrointestinal: já na boca, o cigarro propicia o aparecimento da doença periodontal e, consequentemente, a perda dos dentes.

Cigarro prejudica a saúde do estômago: o hábito de fumar, especificamente após as refeições, aumenta o risco de infecção pela bactéria H. pylori, que pode provocar o aparecimento de úlceras peptídicas na cavidade estomacal, além de diversos outros efeitos que dificultam o processo digestivo.

Doença pulmonar obstrutiva crônica: o pulmão ainda é o órgão mais afetado pelo tabagismo, mas além do câncer, o cigarro pode causar a condição que, muitas vezes, sem diagnóstico, acomete o fumante durante a maior parte da vida. A doença pulmonar obstrutiva crônica provoca bronquite e enfisema. Ambos reduzem a capacidade respiratória, tornando o paciente cada vez com mais falta de ar.

Assim como o álcool e outras drogas ilícitas, o cigarro afeta o organismo de forma sistêmica, por isso diversos órgãos são lesados, explica o pneumologista Doutor José Jardim, Professor-Livre Docente de Pneumologia da Escola Paulista de Medicina da UNIFESP.

Segundo a OMS, o Brasil é líder mundial no controle do tabagismo, mas o cigarro ainda provoca a morte de 156 mil brasileiros por ano, segundo pesquisa do INCA.



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.