Publicidade

Cientistas garantem ser eficaz e seguro novo anticoncepcional para homens

Já foram testadas diversas pílulas anticoncepcionais para homens, mas nenhuma foi considerada efetiva e segura, até agora: um novo medicamento, apresentado na reunião anual da Sociedade Americana de Endocrinologia, promete ser muito eficaz na contracepção masculina. Conheça!

Como os variados tipos de anticoncecional feminino, a droga experimental é de uso oral e tem dose diária. Ela combina hormônios masculinos, como progesterona e testosterona, capazes de suprimir as substâncias presentes na produção de esperma. - O novo anticoncepcional masculino se chama dimethandrolone undecanoate ou DMAU e foi testado em 100 homens saudáveis com idade entre 18 e 50 anos.


Eles experimentaram três doses diferentes do DMAU (100, 200, e 400 miligramas) e duas diferentes formulações dentro de cápsulas (em óleo de mamona ou pó).

Cada grupo, dividido pela dose, incluiu cinco indivíduos que foram aleatoriamente designados a receber um placebo - comprimido sem efeito algum - e outros 12 a 15 homens receberam DMAU. Eles tomaram a droga ou o placebo por 28 dias, sempre em dose única e junto com as refeições.

Os 83 homens completaram o estudo tiveram amostras de sangue recolhidas para testes hormonais e de colesterol no primeiro e no último dia do estudo.

As doses mais altas, de 400 mg, suprimiram os níveis hormonais de maneira proeminente, já as baixas foram consistentes com a contracepção masculina efetiva.

Existe efeitos colaterais?

Apesar disso, alguns pesquisados relataram sintomas consistentes com deficiência ou excesso de testosterona pelo anticoncepcional para homens.

Além disso, todas as doses reduziram o colesterol bom e aumentaram levemente o peso, o que os cientistas consideraram efeitos colaterais leves. - Já as funções dos rins e fígado continuaram intactas.

Resultados promissores

Em entrevista ao Eurek Alert, um dos cientistas responsáveis pelo estudo, Stephanie Page, da Universidade de Washington (EUA), disse que DMAU é um dos maiores passos para o desenvolvimento de uma pílula diária.

"Muitos homens preferem contraceptivo diário reversível do que injeções de longa duração ou géis tópicos, os quais também estão sendo desenvolvidos", afirmou.

O especialista também disse que "estudos em longo prazo estão em andamento para confirmar se a ingestão diária do DMAU realmente bloqueia a produção de espermatozoides".



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.