Publicidade

Você sabe o que é a Hiperovulação? O fenômeno que aumenta chances de ter gêmeos?

A ovulação, processo natural ao ciclo menstrual, acontece quando o folículo ovariano é rompido, liberando o óvulo para que encontre o espermatozoide e ocorra a fecundação em processo controlado pela ação dos hormônios FSH (Hormônio Folículo Estimulante) e LH (hormônio luteinizante), secretados pela glândula hipófise.

Mulheres com ciclos regulares de 28 dias entram no período fértil entre o 11º e 15º dia antes de cada menstruação e, em casos menos comuns, podem experimentar um fenômeno chamado de hiperovulação.

O que é hiperovulação?

De acordo com Márcio Coslovsky, diretor médico do Centro de Medicina Reprodutiva Huntington, em entrevista ao VIX, a hiperovulação é um fenômeno raro, mas que pode ocorrer nos extremos da vida reprodutiva da mulher, ou seja, no início da adolescência e depois dos 40 anos, devido a uma excessiva produção de hormônio FSH nos períodos.

Ainda segundo o especialista, alguns medicamentos desencadeiam a hiperovulação e, nesses casos, ela pode ser perigosa e causar problemas graves, como a síndrome de hiperestímulo ovariano, que resulta em ascite, trombose, entre outras condições.

A ovulação excessiva ainda aumenta as chances de gravidez de gêmeos, afinal, haverá mais óvulos a serem fecundados.



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.