Publicidade

Estudo descobre que ficar sentado aumenta a fome. A razão por trás disso é bem simples


Permanecer muito tempo sentado no sofá diante da TV ou mesmo na cadeira do trabalho, sem realizar qualquer atividade física, característica comum do sedentarismo, provoca ganho de peso e diversos problemas de saúde.

Os quilos extras acumulados pelo hábito de ficar sentado podem ainda estar relacionados a outro fator, até então desconhecido: o aumento da fome. Pelo menos é o que indica um novo estudo publicado na Proceedings of the National Academy of Sciences.  



Ficar muito tempo sentado aumenta o apetite

Quando você fica sentado, seu peso é suportado pela poltrona e não pelos ossos do corpo, o que faz com que seu esqueleto desconheça seu peso real e se ele deveria ser diminuído. E de acordo com a pesquisa, feita com ratos de laboratório, os ossos podem desempenhar controle sobre essas medidas.

Mesmo sem conseguir explicar de forma exata como o fenômeno ocorre, os cientistas apontaram que ossos saudáveis seriam capazes de perceber mudanças na massa corporal e, de alguma maneira, promover alterações no apetite.

Apesar dos dados obtidos pelo trabalho científico, a teoria proposta é especulativa e não deixa claro até o momento como os ossos transmitem a informação de peso corporal ao cérebro e aos neurotransmissores que controlam a fome e a saciedade.

A equipe de pesquisadores planeja agora realizar estudos mais detalhados sobre o tema e identificar os mecanismos e as possíveis associações entre os ossos e o controle do peso. De qualquer forma, o trabalho fornecer mais uma razão pela qual você deveria se levantar da cadeira e do sofá e começar a se movimentar.



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.