Publicidade

A ANVISA proíbe o consumo de frango congelado por conter bactéria perigosa. Conheça a marca e lote


Se você costuma comprar frango cozido desfiado congelado no supermercado, atenção. O produto da marca D+ Alimentos foi proibido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a ANVISA, por conter bactérias que podem causar doenças no consumidor. A resolução foi publicada na passada sexta-feira (20 de abril).

O peito de frango cozido desfiado congelado da marca D+ Alimentos foi proibido pela ANVISA por conter Listeria monocytogenes. A bactéria pode causar intoxicação alimentar que causa diarreia, náuseas, febre e dores musculares. Em grávidas, pode levar até ao aborto.

A medida se aplica apenas ao lote n° 0320. O anúncio foi publicado nesta sexta-feira (20 de abril) pela ANVISA, depois da emissão de um comunicado da própria empresa fabricante, a G L Faleiros Indústria de Alimentos Eireli, sobre o recolhimento voluntário do produto.

De acordo com a D+ Alimentos, o peito de frango cozido e desfiado, que é vendido congelado, é feito com matéria-prima de primeira qualidade, sem adição de temperos industriais e conservantes. A marca afirma que o produto tem processo produtivo artesanal e é vendido em embalagens de 1kg e 4kg.  



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.