Publicidade

Você sabe o que é uma dieta mediterrânea? Confira!

Você já ouviu falar em Dieta mediterrânea? Com tantos tipos variados de dietas, ficamos realmente perdidos com tanta informação nova. A dieta, originária da gastronomia de países banhados pelo Mar do Mediterrâneo, proporciona diversos benefícios, como o emagrecimento e ainda ajuda na saúde do organismo. Vamos conferir mais informações sobre a Dieta Mediterrânea?

A dieta do Mar Mediterrâneo tem como base os costumes alimentares dos povos que habitam as regiões banhadas por este mar, como por exemplo, os países do Sul da Europa. A dieta se tornou um sucesso, pois as pessoas destas regiões tinham um peso controlado, além de uma baixa incidência de doenças do coração, obesidade e hipertensão.

O cardápio da dieta possui um consumo de calorias de gorduras acima do normal em comparação com as dietas de emagrecimento em regiões do Ocidente, no entanto, a maior parte da gordura é de alta qualidade e valor nutricional, como as oriundas dos peixes.


Como é feita a Dieta mediterrânea?

A dieta para emagrecimento tem como base o consumo de alimentos de origem vegetal em quantidade significativa, com a inclusão de frutas, hortaliças, cereais, legumes, sementes, pães e laticínios como o queijo. O consumo destes alimentos deve ser feito todos os dias.

A ingestão de peixe é indicada até quatro vezes por semana, e a carne vermelha e o frango devem ser consumidos esporadicamente durante a semana. Já o vinho tinto precisa ser consumido de maneira regular, com o consumo máximo diário de uma taça. Lembrando que pessoas que não podem consumir álcool devem evitar sua ingestão.

Vale ressaltar que as principais fontes de gordura, que devem ser consumidas em elevada quantidade calórica (até 40% do equivalente às calorias diárias) precisa vir do azeite de oliva e das nozes. Você pode incluir o azeite de oliva na salada ou até mesmo em um lanche com pão integral.

Benefícios da dieta mediterrânea 

A dieta do Mediterrâneo traz diversos benefícios aos seus usuários, como o fornecimento de mais energia, já que a ingestão de alimentos como os cereais integrais, que tem baixa taxa glicêmica, age como uma ótima fonte energética. Além disso, a dieta diminui o colesterol por causa do consumo de frutas e vegetais, fortalece o sistema imunológico, já que os aminoácidos contidos em alimentos como os peixes, são responsáveis pela boa manutenção do sistema imunológico. 



Sem comentários

Com tecnologia do Blogger.